Kiko Ensina: Modelo de Copywriting (Template) para VSLs, Anúncios, Postagens e mais

Seguindo alguns ensinamentos do Copywriter Stefan Georgi, podemos entender como o Kiko pode nos ajudar a escrevar uma copy que converte muito!

Primeiramente, quem é esse Stefan Georgi? Provavelmente um dos copywriters mais reconhecidos hoje em dia, por ter escrito textos e cartas de vendas que faturaram mais de USD 700 milhões.

Para seus tutorados, ele tem um método que facilita a criação de copy, por meio de uma estrutura de blocos bem definidos, que ajuda a não “esquecer nada” e fazer um texto de alta persuasão.

Então, vamos conhecer um pouco dessa estrutura? Com certeza, ao conhece-la vai lhe facilitar muito escrever qualquer texto com fins publicitário, cortando tempo e e lhe trazendo muito resultado

Eu sempre vejo uma VSL como um funil por si só. Ele leva os clientes frios a ficarem quentes, prontos para compra. Ou seja, tem também a função de quebrar as objeções que o cliente poderiam ter no meio do processo.

Mas principalmente, temos que nos atentar no WIIFYM (Whats In It For Me?), que eu traduzo simplesmente como E o Kiko?

O Kiko é uma brincadeira de infância, que quando alguém falava alguma bobagem (ou na verdade qualquer coisa, só queríamos zuar mesmo), o amigo respondia:

– E o Kiko?

– Que Kiko?

– Kiko eu tenho a ver com isso?

Claro, a turma toda se acabava em gargalhadas e as vezes saiamos na mão uns com os outros.

E é exatamente isso que você tem que evitar que seu prospect fale para si mesmo. O que ele tem a ver com isso e acabe saindo da sua página…

Todo o texto que fizermos, temos que sempre lembrar disso. Não adianta você ter uma estória perfeita, muito emocional, com uma narrativa incrível, se o lead não se conectar com aquela história de alguma maneira.

Vamos aos principais blocos. Você pode até omitir alguns ou inverter a ordem, mas usá-los irá lhe dar uma vantagem competitiva.

Lead com Curiosidade (opcional)

Aqui é onde você vai tentar implantar uma curiosidade ou contradição forte na cabeça do seu lead, para que ele assista o máximo do vídeo. Você pode abrir um loop que responderá mais para o final do seu texto.

Chamada ao Ponto de Dor do Prospect

E o Kiko começa bem aqui…na dor. É onde ele vai começar a se identificar, caso tenha este problema e mesmo sem saber que existe uma solução, irá ser fisgado e continuar vendo.

Promessa da solução ao ponto de dor do prospect + Promessa para não gastar tempo nem dinheiro

Ninguém gosta de perder dinheiro ou tempo. Então, aqui você afirma que tem a solução e que isso vai fazer o lead economizar tempo, dinheiro e sofrimento.

Provoque com a estória emocional de descoberta

Estórias são um das maiores formas de passar conhecimento durante toda a humanidade. Uma boa estória atrai. E emoções despertadas por essa estória trabalharão ao seu favor na venda.

Provoque com o mecanismo único por trás da solução

Aqui você vai mostrar um pouquinho da sua solução, brevemente, sem entrar em detalhes.

Provoque a natureza contrária ao mecanismo

Logo algumas ideias devem surgir na cabeça do lead. Afinal, ele pode ter visto outros produtos e outras promessas. Se você mostrar que é algo diferente do comum, vai aguçar ainda mais a curiosidade.

Brevemente corte o ceticismo

É normal não acreditarmos em tudo. Conecte-se ao lead e mostre que é normal ele duvidar, mas que ele logo será convencido.

Brevemente mencione construtores de credibilidade

Essa hora o lead pergunta

– Quem é você para me dizer o que eu tenho o que fazer?

Construa credibilidade.

Qualificadores – Para quem funciona? É para todo mundo? Fale com seu mercado.

Serve para homens e mulheres? Idosos? Ricos e Pobres?

Resolva o problema para ele

Mostre que você vai resolver o problema para ele, pois já resolveu antes e é capaz disso.

Inclua alguns depoimentos genéricos, sem entrar em detalhes do produto

Mas, chega de papo e vamos a exemplos práticos. Abaixo um exemplo de copy feita pelo Stefan Georgi, traduzida por mim

::Lead – Curiosidade::

E este é um termômetro infravermelho e uma câmera termográfica.

Esta câmera permite que médicos como eu vejam o que está acontecendo DENTRO do corpo humano…

::Dor do Prospect::

Especialmente quando se trata de inflamação em seus músculos e articulações. Você sabe, a inflamação que causa dores e dores… latejante em seus ombros… ardência e dor em seus pés… dor em seus tornozelos.

O tipo de inflamação que pode limitar drasticamente sua amplitude de movimento…

Realmente, o tipo de inflamação que pode fazer você se sentir um escravo do seu próprio corpo.”

::Promessa de solução para o problema do cliente em potencial + promessa de economia de tempo/dinheiro::

Bem, nos próximos 30 segundos…

Vou usar esta câmera especial para mostrar como é a sua inflamação dentro de você…

E então, muito mais importante…

Vou mostrar a você como obter alívio rápido e real de suas dores, quase que instantaneamente e sem remédios ou drogas perigosas.

::Estória Emocional da Descoberta::

Agora, descobri esse avanço no alívio da dor depois de um encontro com uma paciente “sem esperança” chamada Cindy.

Ela tinha 63 anos quando veio me ver pela primeira vez, e a dor nos joelhos ficou tão forte que ela mal conseguia andar.

Cindy convencida de que seus melhores dias ficaram para trás… e ela raramente saía de casa, ou passava algum tempo em seu jardim…

E ouvir a história de Cindy partiu meu coração.

Bem, é para pessoas como a Cindy que fiz este vídeo…

Porque por mais difícil que seja acreditar nisso agora: quero que você saiba que seus melhores dias estão LONGE de você.

A verdade é que você pode recuperar sua mobilidade e começar a viver uma vida sem dor novamente. E você pode fazer isso em questão de segundos também.

::Promessa do Mecanismo Único::

A razão disso é tudo graças a uma nova descoberta científica que gosto de chamar de “efeito areia movediça”…

Porque permite que um dos ingredientes analgésicos mais seguros, mas comprovados da natureza, seja sugado diretamente para a sua pele…

Onde ele pode ir para o trabalho de resfriamento e alívio da inflamação em seus músculos e articulações imediatamente.

::Contrarie as soluções mais obvias::

Você vai querer saber tudo sobre isso – especialmente porque esse ingrediente de que estou falando NÃO é CBD, açafrão, aspirina ou qualquer outra coisa que você esteja pensando agora…

No entanto, fornece alívio da dor mais rápido e direcionado do que qualquer outra coisa que já vi em meus mais de 20 anos como médico.

::Corte o Ceticismo::

E veja, se você está se sentindo cético agora, EU ENTENDO.

::Construtores de Credibilidade::

Confie em mim, como alguém que foi criado na medicina ocidental, me senti da mesma maneira na primeira vez que ouvi sobre isso…

Não parecia possível que pacientes como Cindy fossem capazes de banir suas dores, dores e dores…

Ou que eles poderiam recuperar rapidamente sua mobilidade – geralmente melhorando toda a amplitude de movimento em 30% ou mais em apenas 15 minutos.

Sinceramente, eu não achava que remédios como esse realmente existissem…

E, no entanto, como você está prestes a ver…

::Qualificadores – Para quem é?::

Este avanço de 10 segundos para aliviar a dor já foi usado por MILHARES de homens e mulheres nos EUA…

Pessoas de todas as idades e origens… que tinham todos os diferentes níveis de dor…

E eles ficaram CHOCADOS com a rapidez e eficácia com que essa inovação funciona.

Na verdade, basta dar uma olhada:

::Depoimentos aqui de usuários reais::

Pode fazer vídeos deles tentando o analgésico e depois fazer um lapso de tempo e falar sobre seus resultados. No entanto, não dê o produto, você apenas mostra a eles usando, mas não mostra o rótulo etc.

Bem incrível né?

::Deixe que eu soluciono seu problema::

E se você estiver pronto para se juntar a essas pessoas e obter um alívio real… para que você fique praticamente sem dor em questão de minutos…

Continue assistindo agora…

Porque estou prestes a compartilhar EXATAMENTE o que é esse avanço de 10 segundos para aliviar a dor e por que funciona…

Além disso, em apenas alguns momentos…

Também vou revelar a REAL razão pela qual ingredientes naturais como CBD e Cúrcuma raramente trazem o nível de alívio da dor que você espera…

::Mecanismo único do problema::

E vou explicar por que algo chamado “febre das articulações” pode ser a verdadeira razão pela qual você costuma lutar com dores nos quadris, tornozelos, pulsos, costas, pescoço e joelhos…

::Mais curiosidade::

Ao resolver o antigo debate sobre se a mudança do clima realmente afeta negativamente nossas articulações doloridas ou não.

Tudo isso e muito mais está por vir…

::PITCH DE VENDAS::

Para o Pitch de Vendas, merece um novo artigo…fique de olho que em breve falaremos mais sobre este bloco!

Conclusão

Usando estruturas já validadas nos ajuda a economizar tempo e fazer textos muito bons, que tenham resultados.

Se você deixa saber mais sobre copywriting, estou sempre publicando artigos interessantes, que você pode conferir neste grupo ou enviar mensagem para mim com a mensagem ´Artigos´ para eu lhe passar o link.

Grande abraço e lembre-se do Kiko!

Vamos bater um papo? Me chame clicando aqui!

Como criar uma carta de vendas em vídeo – VSL – Video Sales Letter (dicas, macetes e truques de um copywriter)

Se você deseja gerar mais leads por uma fração do custo, aumentar suas taxas de conversão e aumentar seus resultados, a carta de vendas em vídeo, ou VSL, pode ser uma ferramenta poderosa para adicionar ao seu arsenal de marketing.


O vídeo tende a ser mais envolvente do que o texto e está rapidamente se tornando o meio preferido para os consumidores obterem informações sobre um produto antes de estarem prontos para comprar.


Neste artigo, compartilho segredos para criar um VSL de alta conversão, uma tática que ajuda diariamente a gerar toneladas de leads, converter navegadores em compradores e deixar até o tráfego mais frio empolgado para sacar suas carteiras e comprar.


Pergunte a si mesmo: a que propósito seu VSL servirá?


Um dos maiores erros que vejo as pessoas cometerem é apenas dizer: “precisamos de um vídeo!” sem entender o propósito por trás de um VSL.


Não há dúvida de que o vídeo é uma ferramenta poderosa para as empresas usarem em suas vendas e marketing. Mas só é poderoso quando feito com um objetivo específico em mente.

Basta ligar sua câmera e gravar os primeiros 60 segundos do que vier à mente não fornecerá os resultados de nível seguinte que você deseja do vídeo.


Na verdade, um vídeo ruim pode ser pior do que uma copy ruim.

Porque, ao contrário de uma copy ruim que os consumidores ainda podem ignorar e ignorar as falhas, você não pode deixar de ver um vídeo ruim ou deixar de ouvir um roteiro ruim.


É por isso que peço sempre aos meus clientes para considerarem primeiro o propósito de seu VSL.


Ele precisa fazer toda a venda? O vídeo precisa complementar a cópia na página? Ele precisa empurrar os usuários que acabaram de realizar alguma ação para fazer outra coisa?


Existem três funções principais que um VSL serve:

  • Como complemento a copy na página. Se o seu produto realmente se beneficiaria de uma demonstração ou é um bem físico, você pode querer ter um vídeo além do texto. Isso ocorre porque as pessoas podem realmente precisar ver o produto ou assistir a um caso de uso antes de estarem prontas para comprá-lo. O texto pode apoiar sua mensagem. Mas o vídeo pode ajudá-lo a demonstrar seu produto ou inspirar as pessoas a continuar lendo.

  • Como um substituto para a copy. Às vezes, é melhor se você não tiver nenhum texto e confiar apenas no vídeo. Por exemplo, se você precisar que um cliente em potencial veja uma apresentação completa antes de fazer sua oferta, para que eles possam realmente ver o valor do que você tem, convém evitar completamente o texto. É por isso que você verá muitos produtos de informação apresentados e vendidos através de um webinar ou estritamente vídeo. Eles não querem que você seja capaz de rolar até o final de uma página, ver uma etiqueta de preço e sair. O apresentador/vendedor precisa que você experimente certas coisas antes de fazer a oferta. Porque quando se trata de informação e bens digitais, você tem que realmente vender o valor. Nem sempre é inerente ao produto.

  • Como um ponto de contato adicional após alguma ação ter sido tomada. Um dos melhores momentos para introduzir um VSL é logo após um usuário realizar alguma ação, como optar por uma lista ou comprar um produto. Isso pode servir como uma interrupção de padrão e uma maneira de interagir diretamente com os usuários de uma maneira mais pessoal.

Como você sabe qual é o certo para você?

TESTE! A melhor forma é trabalhar com Split Test ou Teste A/B, jogando uma % para diferentes versões e vendo qual vai te trazer mais resultados. Mas a chave é NUNCA INICIAR um VSL sem saber qual deles esta planejando criar.

Porque um vídeo que suporta a copy é muito diferente de um vídeo que precisa se sustentar sozinho. E ambos são muito diferentes de um vídeo que atua como um ponto de contato adicional.]


Decida o propósito do seu vídeo desde o início e então você pode passar para o roteiro, filmagem e muito mais.


Qual deve ser a duração do meu VSL?


Provavelmente a pergunta mais feita sobre VSLs é : “Quanto tempo eles devem ter?”


E a resposta é e sempre será Depende! A duração do seu VSL depende da dificuldade de sua decisão e do quão profundo o nível de consciência do seu espectador”.


Por exemplo, se você está pedindo a alguém para baixar um relatório ou vídeo gratuito, você não precisa de um vídeo de 50 minutos.


Na verdade, um vídeo mais curto seria muito melhor. Um bom tamanho seria de 3 a 5 minutos ou menos para qualquer coisa que seja gratuita.


À medida que você sobe na escada de preço, você precisa alongar seu vídeo de acordo. Portanto, um produto de R$ 1.000 exigirá um vídeo muito mais longo do que um produto de R$ 200 e assim por diante, pois exigirá quebrar mais objeções ao longo do projeto.

No final, o VSL pode ser considerado como um funil completo: ele leva o espectador do ponto A (frio) ao ponto B (quente), quebrando possíveis objeções, transmitindo confiança e autoridade e informando sobre o problema e a sua solução.


Uma estratégia interessante é ter VSLs de comprimento médio para produtos tripwire.


O que é um produto tripwire?


É um produto de baixo preço (geralmente entre R$ 9,00 e R$ 49) projetado para atrair os clientes a sacar seus cartões de crédito e comprar.


É considerada uma tática de aceleração de conversão porque pode ajudá-lo a criar muitos compradores para um item de preço mais baixo e depois vendê-los mais tarde outros produtos da sua esteira.


As ferramentas e equipamentos necessários para gravar um VSL


Não se intimide com a produção brilhante que você pode ver em outros vídeos!

A principal coisa que você precisa acertar é o seu roteiro, a sua copy. Se você acertar isso, seu VSL pode ser até simples. Slides, screencasts, webcam do PC. Copy/Roteiro é maior do que a produção do vídeo.


Muitos webinars fizeram mais de sete digitos com nada mais do que texto e slides.


O ponto é, não deixe que o orçamento e as ferramentas o intimidem, especialmente se você não os tiver.

Ser autêntico e genuíno é muito mais importante do que os adereços que você inclui na sua produção.


Dito isso, se você tiver muitos recursos e uma grande equipe de produção, certamente poderá usar técnicas de redação para tornar seu VSL ainda melhor, e isso não deve ser menosprezado.


Dicas para criar roteiros para seu VSL


Depois de escrever VSLs de sucesso, com chegada de mais de 30% no pitch de vendas, compilei algumas dicas simples que permitem criar VSLs de alta conversão mais rapidamente.

Aqui estão sete de suas dicas e truques rápidos:


Reutilize a cópia da página de vendas.

Ao escrever um VSL, você não precisa começar do zero. Na verdade, os melhores redatores costumam usar a cópia que já está na página de vendas (ou no produto) para fazer o básico de um script VSL. Isso permite que você crie vídeos mais rapidamente e se concentre em torná-los autênticos e genuínos e não apenas escrever do zero.


Dê um CTA exato.

O maior erro que as pessoas cometem ao escrever VSLs é não dizer às pessoas exatamente o que elas precisam fazer. Se você deixar ao acaso, nunca será feito. Portanto, se você estiver vendendo um produto, diga a eles para “clicar no botão amarelo abaixo do vídeo e inserir os detalhes de pagamento na próxima página”. Em outras palavras, percorra a prospecção passo a passo exatamente pelo que precisa acontecer.

Ser explícito em um VSL é uma maneira instantânea de aumentar as vendas.


Obter a perspectiva de um ritmo futuro (imaginando-se no futuro).

Quando você está escrevendo VSLs, você quer que o espectador se imagine aproveitando todos os benefícios do seu produto no futuro. Recomendo usar frases como: “Como seria bom ?” e “Imagine como seria não ter mais que pensar em _”. Essas fases acompanham o futuro do espectador e fazem com que ele pense em uma vida melhor com o seu produto.


Um aceno para uma transformação.

Há uma razão pela qual as empresas de perda de peso sempre incluem antes e depois em seu marketing. Eles funcionam! As pessoas adoram ver exemplos de transformações dramáticas. Portanto, quanto mais você puder incluir exemplos de transformação – na forma de histórias, depoimentos ou demonstrações – melhor.


Seja específico.

Você nunca quer que sua cópia seja vaga. Deve ser tão específico que o leitor NÃO possa deixar de visualizá-lo em sua mente. Portanto, não diga “saiba como conseguir um emprego” em seu vídeo. Em vez disso, diga algo como “acorde com uma caixa de entrada cheia de ofertas de emprego”. O primeiro pode trazer a mente várias coisas. O outro traz imagens precisas a mente de nosso prospect.

Use os sentidos ao seu favor

Faça o seu prospect usar todos os sentidos possíveis. Com a VSL, você já está estimulando a visão e a audição, então descreva com detalhes o aroma, o tato, a temperatura. Isso vai aumentar a conexão do espectador

Estava eu, naquela praia, e podia sentir os grãos de areia passando por entre meus dedos do pé. Aquele cheiro característico da água salgada invadia meu nariz…


Remova o risco.

Embora os consumidores raramente os usem quando o produto é de alta qualidade, as garantias são uma parte importante de qualquer VSL porque ninguém quer se sentir um tolo e tomar uma decisão ruim. Em vez de deixar que esse medo impeça as pessoas de agir, você deve comunicar o fato de que não há risco para seus clientes. Dica profissional: Demonstre como é fácil aproveitar a garantia no seu VSL.


Limpe as objeções.

O trabalho de um VSL é levar as pessoas a agirem, mas inevitavelmente haverá coisas que irão reter as pessoas. Essas são chamadas de objeções, e um VSL bem elaborado irá respondê-las.

Algumas das objeções mais comuns são sobre tempo e dinheiro, mas outras serão específicas para o seu produto. Portanto, você deve identificar as perguntas mais frequentes e respondê-las em seu VSL.



Resumo
VSL é o segredo por trás de algumas das maiores campanhas da Internet. E se você deseja gerar mais leads, clientes e lucros para o seu negócio, os VSLs podem desempenhar um papel importante em qualquer plano de vendas. Use essas dicas e truques para criar seu primeiro (ou próximo) VSL hoje.

Quer ajuda profissional?

Deseja conversões mais altas em suas páginas de destino, vídeos de vendas, cartas de vendas, e-mails ou anúncios?

Talvez seja hora de você trabalhar com alguém experiente.

Gerei alguns digitos em receita para centenas de clientes nos últimos 10 anos, incluindo algumas empresas B2B e marcas digitais do Brasil, criando cartas de vendas para vídeos (VSL), texto (TSL), Chatbot (CSL), postagens, conteúdos de lançamento (CPLs) e várias outras siglas da sopa de letrinhas que é o mercado digital.

Usando minhas palavras, vou explorar os desejos mais profundos de seus clientes potenciais, implantar minha coleção de gatilhos psicológicos de vendas e prepará-los para a venda.

O resultado? Mais retorno para o seu negócio e mais receitas e lucros no seu bolso. Parece interessante para você? Clique AQUI para me contatar e falarmos um pouco sobre seu projeto.

Para falar comigo, CLIQUE AQUI
Quebra de padrão na escrita persuasiva (Copywriting) para VSLs, Posts, Páginas de Vendas e mais

TOC Toc.

Quem é?

Claro, você sabe o que vem a seguir.

Alguém diz um nome.
Outro repete o nome e acrescenta “Quem?”
Então, boom – há uma piada.


Há um truque para uma boa piada, no entanto. Uma boa muda a conversa e faz você pensar na frase de uma nova maneira. Nunca é algo que você poderia esperar – ou pelo menos, não deveria ser.

As interrupções de padrão funcionam de maneira semelhante. Portanto, embora você não queira usar uma piada de toc-toc, ainda pode atordoar os leitores e fazê-los prestar atenção.

Neste artigo, você aprenderá sobre interrupções de padrão, como elas funcionam e os diferentes tipos. Você também terá muitos exemplos. Quando terminar este artigo, você saberá como escrever uma copy muito mais interessante.

O que são interrupções de padrão?

Uma interrupção de padrão é uma técnica derivada da Programação Neurolinguística (PNL). Embora a PNL possa parecer um pouco exagerada, a psicologia por trás dela e o potencial de manipulação são muito sólidos.

Em poucas palavras, é um truque de vendas eficaz, testado e comprovado que você pode usar em seu texto para recuperar a atenção do leitor. É a coisa perfeita para usar quando eles estão ficando entediados e cochilando.

As interrupções de padrão alteram o estado mental, psicológico ou emocional do seu público. Como qualquer abordagem de persuasão, ela manipula a percepção do espectador sobre o produto ou serviço que você está tentando vender ou explicar.

Por que você precisa de interrupções de padrão

Você já dirigiu sozinho em uma estrada à noite, sem nada interessante para desviar sua atenção? Você pode ter sua atenção desviada e pensar em outras coisas.

Chamamos isso de hipnose na estrada.

Copy maçante e previsível tem o mesmo efeito. Cada linha é previsível. Você já leu artigos como este uma centena de vezes antes. Muito em breve, você está pensando no que vai jantar.

O cérebro humano é treinado para procurar padrões e permitir que nossos pensamentos fiquem em segundo plano. É como um piloto automático para sua consciência.

Ao relegar uma tarefa para segundo plano, você libera recursos preciosos para realizar outras tarefas essenciais à sua sobrevivência.

Isso torna seu cérebro mais eficiente, mas, como a maioria das vantagens, também tem um lado negativo. Então vamos pensar naquele passeio de carro novamente.

Uma música antiga aparece na rádio, e é uma que você não ouve há algum tempo. Você pensa na última pessoa com quem ouviu essa música. Você quer saber o que eles estão fazendo. Talvez você devesse procurá-los no Instagram quando chegar em casa.

Um animal aparece na estrada.

Você consegue desviar do caminho bem na hora.

SQUEEEECH…

Agora você está bem acordado. É assim que funciona uma interrupção de padrão.

Algo inesperado acontece e seu processo inconsciente de direção volta ao primeiro plano.

Você não está pensando em qual foto vai postar no instagram mais tarde; você está se perguntando o quão longe você tem que virar para evitar bater no animal na estrada sem sair da estrada. Agora você está totalmente ciente de seus arredores e prestando atenção neles.

Obviamente, quando você usa uma interrupção de padrão, não precisa ser algo assustador como um possível acidente de carro. As interrupções de padrão podem ser engraçadas, cativantes ou evocar boas lembranças.

O objetivo é interromper o padrão que seu cérebro forma naturalmente sempre que algo é monótono e trazer sua consciência de volta ao primeiro plano.

Pode ser um gif, uma piada ou uma pergunta inesperada. Talvez seja algo mais profissional, como uma citação em bloco ou um gráfico.

Apenas certifique-se de que seu padrão de interrupção seja apropriado para o seu público. Você quer chamar a atenção deles, mas não quer atrapalhar a conversa completamente.

Tipos de interrupções de padrão

A programação neurolinguística, ou PNL, é como dar um passo que não existe. Você já andou pela calçada, sem prestar atenção, e acidentalmente escorregou em uma casca de banana?

Não? Bem, talvez isso só aconteça nos filmes. A questão é que a casca de banana não era esperada. Ele sacode o pedestre e o tira da mesmice.

Telemarketing e outros vendedores no telefone usam isso com frequência. Imagine que alguém ligue para você, se identifique e pergunte: “Como você está hoje?”

Você pode se perguntar quem é essa pessoa e por que ela está tão interessada em saber como você está. Talvez você comece a falar sobre si mesmo, ou aquele breve momento de confusão é suficiente para dar a eles a chance de fazer um discurso de vendas.

Eles podem até dizer algo engraçado, como “Não se preocupe, não estou aqui para lhe vender nada” ou “Prometo que isso levará apenas três minutos do seu tempo”.

Qualquer coisa para parar o entrevistado por tempo suficiente para prender sua atenção e passar o resto do seu discurso.

Não é bem este Sandler que estou falando…

Método de Vendas Sandler (Sandler Selling)

Não, isso não tem nada a ver com Adam Sandler. É uma técnica mais avançada em interrupções de padrão para você empregar.

O Método de Vendas Sandler não apenas sacode o leitor, ele muda o roteiro. Você essencialmente muda seu pensamento e pergunta por que eles estão vindo até você em primeiro lugar.

Por exemplo, em uma situação de vendas, você responderia às perguntas deles com uma pergunta sobre o objetivo da pergunta. Se isso soa evasivo, pode ser, mas há uma maneira educada de fazer isso.

Ou melhor ainda, finja que está em uma entrevista de emprego. O empregador acaba de perguntar quanto dinheiro você espera ganhar. Você pode dar um intervalo ou perguntar: “Quanto VOCÊ acha que devo receber? O que parece razoável para você?”

O Método de Vendas Sandler não se trata apenas de agitar um pouco o ouvinte. É sobre virar o roteiro completamente.

Pergunte pela intenção mais profunda da pergunta e depois responda a essa intenção.

Você pode estar escrevendo uma copy e pensando nisso como um negócio de mão única. Mas parte da magia da mídia moderna é que tudo pode ser um diálogo entre leitor e escritor.

As pessoas escrevem, comentam ou interagem com o conteúdo que você fornece. Você sempre pode voltar e reforçar seu argumento. É um processo dinâmico.

Títulos de e-mail CHAAAATOOOOOS

Toneladas de profissionais de negócios recebem centenas de e-mails por dia. Até mesmo algumas contas de e-mail pessoais recebem tanta ação.

Portanto, se você deseja que seu e-mail seja aberto e lido, a coisa mais inteligente a fazer é usar interrupções de padrão. Eles ajudam você a se destacar contra essa parede de texto para que os espectadores cliquem e leiam a própria carta.

Isso explica por que empresas usam emojis em seus cabeçalhos de assunto. Isso funciona bem para uma loja divertida e bem humorada que cosméticos por exemplo. Outras marcas na mesma linha podem usar essa ideia.

Você também pode criar um loop aberto começando com uma pergunta. Quanto mais ousado, melhor. Pode ser algo que eles sempre se perguntaram (e estão morrendo de vontade de saber a resposta), ou pode ser sem sentido.

Talvez seja um mito comum que todo mundo dá como certo. Todos nós já ouvimos falar do instinto de “lutar ou fugir” que os animais sentem quando sentem o perigo.

Mas e a outra opção? “Congelar.” O animal que você quase atingiu em nosso exemplo anterior teria congelado “como um cervo pego nos faróis”, como os americanos falam. Ao avistar a luz forte do carro, eles não sabem o que fazer, e simplesmente CONGELAM.

Como podemos combater esse desejo de congelar? Eles podem abrir seu e-mail para descobrir.

Você pode até tentar caracteres do teclado que não são usados ​​com tanta frequência. Isso quebra o padrão visual da página. Quando foi a última vez que você viu um sinal de adição na linha de assunto de um e-mail? Que tal um e comercial & ?

Considere usar títulos mais curtos – apenas uma ou duas palavras. Você pode usar um modelo para inserir o nome do leitor, mas isso tem sido usado em demasia ao longo dos anos.

Se nada mais, usando um título como “Por que você não clicou em mim ultimamente?” quase garantirá despertar o interesse deles e lhe dará outra chance de chamar a atenção deles.

Exemplos de interrupção de padrão incorreto

Você pode estar ansioso para experimentar essa nova e legal técnica agora que você leu sobre isso. No entanto, tenha cuidado. Se você usar uma interrupção de padrão de forma errada, isso tornará seu argumento mais fraco, não mais forte.

Talvez você queira colocar um gif de banana dançante no meio de sua copy. É fofo e vai chamar a atenção. Mas considere o seu público.

Se você está escrevendo no contexto B2B, a banana pode não ser recomendada. É bom quebrar padrões, mas não a ponto de atrapalhar a sua mensagem.

Atenha-se a citações de bloco, histórias, ilustrações e gráficos para quebrar a monotonia e recapturar a atenção do público quando for um cenário mais sério ou formal. Você não quer cantar “parabéns para você” em um funeral.

Não seja negativo

LEIA COM ATENÇÂO O QUE IREI TE FALAR AGORA!

Gritar com seu público definitivamente chamará sua atenção, mas é eficaz? Lançar insultos não vai lhe render nenhum favor. Não tente envergonhar as pessoas a comprarem seu produto ou serviço.

Não diga coisas para fazê-los se sentir mal e espere que eles ouçam seu ponto de vista e tomem as ações que você está sugerindo.

Dizendo algo como “O Coveiro Lhe Espera” em seu produto anti envelhecimento pode chamar a atenção para o problema em questão, mas é bastante brutal. Ninguém quer se sentir insultado ou intimidado a comprar um produto.

Excesso de Coisa Boa

Todos nós conhecemos alguém que coloca pimenta em tudo. Talvez seja seu pai, avô ou outra pessoa da sua família. Eles têm que fazer isso porque colocaram pimenta em tudo por tanto tempo. Tornou-se a nova norma, a linha de base que seu paladar espera.

Como qualquer tempero, o uso excessivo de um intensificador de sabor como uma interrupção de padrão estragará a receita. Se alguém está gritando coisas aleatórias ou exibindo muitas imagens, eventualmente, o espectador vai fechar a janela e para de prestar atenção completamente.

Então, tente espaçá-los a cada 600 palavras ou mais. Não estrague a essência do seu texto mudando a atenção deles com muita frequência. Você não está lá apenas para gritar “BU!” e dar-lhes um salto inicial. Mesmo um filme de terror pode ter muitos desses.

Lembre-se, não se trata apenas de criar um efeito “modernoso”. Você quer reformular o assunto e fazê-los pensar de uma maneira diferente. Postar uma foto aleatória de uma banana pode ser delicioso, mas na maioria dos casos, não vai te ajudar a conseguir o que você quer da interação.

Evite esses erros de redação que irão sabotar suas taxas de conversão.

Maneiras eficazes de usar e dominar as interrupções de padrão em sua copy(para gerar mais conversões e vendas)

Você provavelmente está pensando: “Ok, você me disse o que NÃO fazer. O que devo fazer em vez disso?”

Interrupções de padrão podem ser frases de transição simples para ajudar a deslizar sua copy para o próximo parágrafo. Chamamos isso de “brigada de balde”.

Como você provavelmente sabe, um bom copywriting combina habilidades de escrita criativa com um conhecimento básico de psicologia. Essa técnica capta o interesse dos leitores e os mantém envolvidos.

Maneira eficaz de usar e dominar as interrupções de padrão em sua copy(para gerar mais conversões e vendas) # 1: Brigada de Balde

Se alguém lhe fizer uma pergunta, você não quer saber a resposta imediatamente? Os gregos antigos chamavam essa técnica de “hipófora” ou “carregar para baixo”.

Use a hipófora para lembrar o leitor de um ponto de dor com o qual ele está lutando e forneça uma solução.

Vamos usar um exemplo antigo. “Você está cansado de mãos de panelas?” O restante da copy explica como você pode evitar as mãos marcadas e machucadas devido a lavar louças todos os dias.

Apenas lembre-se de usar empatia e linguagem inclusiva. Não são os anos 70. Não são apenas as donas de casa que lavam a louça.

Use um CTA claro e verbos poderosos para sublinhar seu argumento.

Tente estas perguntas:

Você já se perguntou por quê?
Você odeia…?
Quer saber um segredo?
Posso ser totalmente honesto com você?
Você está doente e cansado de…?


Mais tarde, você pode querer fechar o ciclo com uma resposta. Algumas frases que você pode usar para deslizar as coisas são:

Isso mesmo.
Você deve estar brincando.
Justo, mas…
Dificilmente
Você pode dizer isso de novo.

Lembre-se, as interrupções de padrão existem para quebrar passagens longas e “acordar” o leitor antes que ele fique muito complacente.

Entrar na cabeça deles faz maravilhas. Mostrar empatia captura a atenção do seu leitor.

Todos nós já estivemos lá.
Eu conheço o sentimento.
Nem tente negar.
É a pergunta que você secretamente teme.
Você já ouviu o conselho um milhão de vezes.

Maneira eficaz de usar e dominar as interrupções de padrão em sua copy (para gerar mais conversões e vendas) #2: Use estatísticas!

Números e porcentagens específicos dividem seu texto e apoiam seu argumento. Visualmente, os números se destacam do conteúdo usual e chamam sua atenção.

Por diversão, vamos considerar alguns exemplos.

99,7% dos amantes de banana concordam.
100.000 bananas vendidas no ano passado.
Uma em cada três aventuras de banana termina em crise porque as pessoas não estavam preparadas para isso.
O peso médio do nosso pudim de banana é de 12,3 gramas. Isso é 20% a mais do que a outra marca líder.
Fazemos o melhor pudim de banana do mundo desde 1973.


Isso é óbvio, mas apenas um lembrete: apoie essas alegações com pesquisas. Não afirme algo sem provar de alguma forma. Em vez disso, examine suas personas de comprador e determine quais dados são os mais relevantes para os espectadores pretendidos.

Maneira eficaz de usar e dominar as interrupções de padrão em sua copy (para gerar mais conversões e vendas) #3: Detalhes específicos de clientes


Na mensageem direta (como emails, whatsapp, sms), você pode inserir dados pessoais, como o nome do cliente. Pequenos toques como esse chamam a atenção deles e fazem com que sintam que você está falando apenas com eles.

É como quando você está escrevendo uma carta de apresentação para um pedido de emprego – você não quer apenas usar uma carta genérica. Você quer ter o nome do trabalho, a empresa e as qualificações específicas para o cargo.

Fazer pesquisas e usar as personas certas do comprador faz com que o público sinta que você entende e aprecia os pontos problemáticos que eles encontraram. Forja uma conexão que os leitores acham irresistível.

A mídia social permite que você acesse uma quantidade quase ilimitada de informações sobre seu cliente. Os cookies facilitam o rastreamento, as plataformas sabem os interesses das pessoas.

Mas use discrição – não use frases como “Como foi o treino de futebol do pequeno seu filho Pedro ontem?” para atrair seu cliente.

Ser muito específico pode afastá-los e fazê-los sentir-se desconfortáveis.

Ninguém gosta de saber que está sendo perseguido a este nível de detalhes.

Maneira eficaz de usar e dominar as interrupções de padrão em sua copy (para gerar mais conversões e vendas) #4: O que mais?

Uma interrupção de padrão não apenas interrompe o fluxo de um artigo, vídeo ou podcast, como também aumenta o “tempo de permanência” que um mecanismo de pesquisa registra para sua página.

Para entender melhor o que isso significa, vamos recapitular algumas informações que você já conhece: o Google rastreia quanto tempo um usuário permanece em um site que ele alcançou por meio de sua função de pesquisa.

Eles usam essas informações, em parte, para determinar as classificações de seus muito cobiçados SERPs (páginas de resultados do mecanismo de pesquisa).

Não confunda isso com uma taxa de rejeição. Uma taxa de rejeição registra quantas pessoas saem ou “rejeitam” uma página que acessaram de qualquer maneira. O tempo de permanência se aplica apenas a SERPs.

A taxa de cliques é quantas pessoas clicam no resultado da pesquisa. O que acontece a seguir é o tempo de permanência. É importante fazer essa distinção ao acompanhar suas estatísticas.

Conclusão

A PNL, ou programação neurolinguística, lida com “interrupções” periódicas de um padrão. A ideia é que você possa acordar seu público e fazê-los prestar mais atenção no restante de suas palavras. Não permita que suas mentes se tornem preguiçosas. Sacuda-os de suas rotinas!

A cada 600 palavras ou mais, divida-o em pedaços mais fáceis de digerir. Você não quer estragar o efeito usando muito de uma coisa boa, ou eles acabarão dando como certo novamente.

Você pode produzir interrupções de padrão de várias maneiras:

Mudanças repentinas de assunto
Perguntas desafiadoras
Gráficos relevantes
Imagens engraçadas
GRITANDO
Caracteres incomuns
Números
Citações em bloco

E muitos mais. Não se esqueça de usar interrupções de padrão que sejam apropriadas para a peça. Você quer chamar a atenção dos leitores, não desligá-los.

Para ser mais específico
Seja granular sempre que possível. Use suas personas de comprador bem pesquisadas para escolher interrupções de padrão que atraem o público certo.

Vire um tópico ou pergunta de cabeça para baixo. Se você quiser usar o método Sandler Sales, tente pensar em qualquer dúvida que o leitor possa ter a qualquer momento.

Pode ser algo tão simples como “Mas espere, por que eu deveria me importar?” ou “O que eu ganho com isso?”

O que o leitor quer? Eles estão procurando valor. Você está lá para explicar os benefícios, mas quanto impacto seu produto realmente tem?

Seguir seu programa financeiro fará de você um milionário quando tiver trinta anos? Ou permitirá que você tire as férias dos sonhos que sempre desejou?

Seja positivo


Embora você queira entrar na cabeça deles, se possível, você quer ter certeza de que não está fazendo seu público se sentir mal. Não repreenda ou envergonhe o leitor a fazer o que você quer que ele faça

PAS (Problem, Agitation, Solution) ensina para expandir o problema para tornar a solução muito mais satisfatória. Assim, você pode falar sobre coisas desagradáveis, mas precisa garantir que sua copy termine com um tom otimista.

Você não está lá para estragar o dia deles. Você está lá para entreter, educar e informá-los para obter essas conversões ou CTAs.

Isso continua, ein…

Copy seca e sem graça não é lida, não importa o tamanho. Ou é lido, e não converte. Pode até trabalhar contra você.

Por exemplo, o famigeardo “preço inbox” que vemos nos grupos das redes sociais. Acaba virando motivo de piada.

As interrupções de padrão mudam o tom por um momento para recuperar sua atenção. Essas interrupções sinalizam ao cérebro para parar de ler de cor e processar novas informações.

Em caso de dúvida, vire-se para o público. Faça-os pensar em algo inesperado. Pode ser uma piada, ou uma pergunta, ou até mesmo uma imagem.

Quando você usa essa técnica psicológica, pode manter as pessoas lendo por mais tempo e convertendo com mais frequência.

Quer ajuda profissional?

Deseja conversões mais altas em suas páginas de destino, vídeos de vendas, cartas de vendas, e-mails ou anúncios?

Talvez seja hora de você trabalhar com alguém experiente.

Gerei alguns digitos em receita para centenas de clientes nos últimos 10 anos, incluindo algumas empresas B2B e marcas digitais do Brasil, criando cartas de vendas para vídeos (VSL), texto (TSL), Chatbot (CSL), postagens, conteúdos de lançamento (CPLs) e várias outras siglas da sopa de letrinhas que é o mercado digital.

Usando minhas palavras, vou explorar os desejos mais profundos de seus clientes potenciais, implantar minha coleção de gatilhos psicológicos de vendas e prepará-los para a venda.

O resultado? Mais retorno para o seu negócio e mais receitas e lucros no seu bolso. Parece interessante para você? Clique AQUI para me contatar e falarmos um pouco sobre seu projeto.

Fale comigo CLICANDO AQUI
Análise de Métricas Automática do Facebook Ads

Trabalha com Facebook Ads e está com dúvidas para analisar suas métricas?

Afinal, são tantas siglas. CPA, DCO, CBO, CPC, CPM, não é?

Com essa planilha GRATUITA e online, você vai colocar seus números e ela vai apontar onde você deve otimizar suas campanhas.

Além disso, ela também vai te ajudar a saber, baseado nos seus números atuais, quanto você vai precisar investir diariamente para ter a sua meta de ganhos com seus produtos.

Bacana né? Deixe seu dados abaixo e receba sua cópia.

Link para baixar: https://www.janeri.com.br/analise-de-metricas-do-facebook-ads/

Clique aqui para falar comigo
Isca Digital Morreu? (Saiba como diminuir seu CPM, CPA e vender muito mais no Facebook)

Isca Digital morreu…

Se feito de forma errada ou não planejada, não funciona mesmo.

Mas com apenas R$ 4,85 com uma estratégia bem formulada, já obtive resultados de vendas. Eu até achava que ia demorar ainda um pouco para isso.

Tipo: Infoproduto

Ferramentas: Landing page no WordPress, Mautic para automação de Emails, VSL, Isca Digital.

CPM de R$ 4,24 (Não saiu no print) 😨

R$ 0,18 por cadastro (Email, WhatsApp e Nome) 😨😨

R$ 4,51 para a primeira venda efetuada. 😨😨😨

ISCA DIGITAL, o que diabos é isso?

O Funil foi pensado de forma que primeiro se atrai a isca, com um vídeo VSL, oferecendo uma isca digital (não é um ebook), e portanto a primeira campanha tem como CPA o Cadastro.

Neste primeiro momento, a copy usa o gatilho da curiosidade.

Abro um parêntese aqui, a Isca Digital como eBook já esta meio que saturada, vale a pena planejar direitinho e conseguir uma Isca mais atrativa.

Depois do cadastro, a pessoa entra na segunda campanha (RMKT) para quem visitou até 7 dias, recebendo um DCO (Criativo dinâmico) de quebra de objeções, e depoimentos de clientes. Além disso, quem entrou no cadastro também recebe uma série de emails (Ferramente Mautic).

Copy aqui centrada na conversa 1:1 com o leitor, batendo cada objeção que ele possa ter.

O DCO (múltiplos criativos) visa chamar a atenção e evitar a ad fatigue.

No 8 dia, se ela não comprou, entra em outra parte do funil, onde é oferecido um desconto, até o 10 dia, com criativos diferentes e copy batendo na urgência e FOMO.

E em breve, terá também campanhas de cross-sell, com produtos semelhantes, que serão oferecidos para este mesmo público.

Além disso, tem uma campanha auxiliar de engajamento, usando shadow post da primeira campanha de compra, voltado a colher curtidas e comentários e aumentar a relevância e a prova social, barateando o CPM.

Você dá mais credibilidade a uma publicação com 5 curtidas, ou uma com 500+ curtidas, 100+ compartilhamentos? Pois é, o facebook também 🙂

(Shadow post é a técnica que você usa a mesma publicação de outra campanha)

Alguma dúvida sobre este método? Deixe sua dúvida e vamos bater um papo!

Quer uma ajuda profissional?
Entre em contato!

Quer Vender Lanches pelo GPS? (Ou o que você quiser vender!)

Que tal vender lanche pelo GPS?

Saia do mesmo, inove e traga mais resultados para seu cliente…

E não só para lanches…outros estabelecimentos como lojas físicas, tabacarias (que facebook bloqueia logo) e outros podem se beneficiar.

Você sabia que milhares de pessoas da sua cidade usam o Waze para se locomover?

Ao saírem de casa, e inclusive para voltarem para casa. Desta forma, eles podem evitar passar por rotas congestionadas…

E o Brasil é o 2o mercado mundial de acesso a este app, perdendo apenas para os EUA…

E que tal usar este app ao seu favor?

Com CPM a partir de US$ 1.00, é um tráfego muito barato.

Com o Waze Ads, um mercado ainda inexplorado, você consegue com um custo muito baixo aparecer para quem estiver nas proximidades.

Dentro do Waze, você terá 3 tipos de anuncios:
Pin Ads – aparecerá para quem está próximo
Takeover Ads – ao pagar o veículo, irá ‘tomar´ parte da tela do usuário
Search Ads – ao buscar por alguma palavra chave (“pizza”, etc) irá aparecer nas primeiras posições.

Ahh Osvaldo, mas eu meu público não vai vir até mim, pois só faço delivery!
Sim, mas ele precisa te conhecer para pedir seu delivery. E geralmente pedimos de endereços próximos pois queremos receber rapidamente, não é mesmo?
Você pode fazer o branding com o Waze
Faça um panfleto bacana com o cardápio (ou principais pratos) e imprima.
Ofereça algum desconto neste flyer “Peça diretamente pelo WhatsApp e ganhe 10% de desconto” (assim você foge das taxas do ifood).
E no Waze “Pegue seu panfleto agora na loja para ganhar 10% de desconto no seu próximo pedido”.
Ou ainda “Confira a melhor pizza do bairro Pinheiros. Acesse @melhor_pizza_pinheiros e ganhe 10%”
Ou melhor “Tire um print desta tela, acesse @melhor_pizza_pinheiros e ganhe 10%/refrigerante/batata”

Explore esse Oceano Azul e saia na frente da sua concorrência.

E ai, o que você achou? Investiria no Waze Ads?

Quer uma ajuda profissional? Entre em contato!

Clique AQUI para batermos um papo.
Como enviar mensagens automáticas via WhatsApp usando Planilhas do Google Sheets?

As vezes você precisa contatar seus leads ou clientes via WhatsApp…mas se você já fez isso, sabe como pode ser trabalhoso e entendiante. Porque você tem que

  1. Adicionar o contato na agenda
  2. Abrir o contato no WhatsApp
  3. Digitar toda a mensagem

Isso em cada contato, um de cada vez.

Mensagens sem padronização e a tarefa levando até horas.

Vendo isso, resolvi compartilhar com vocês uma maneira de enviar mensagens pré-programadas via WhatsApp, usando todo o poder das planilhas Google Sheets.


Veja vídeo mostrando como funciona

Segue link da planilha

https://docs.google.com/spreadsheets/d/1wlS6-U52-0U5M_0l_EX62AS-_tI4XJSDxKuQTOiV2Mg/edit?usp=sharing&fbclid=IwAR20wTDo3xAXs7db5whLAzi1PRS0PhEvVIT7Pww5w10csAnbNKjpg1uoGg8

Para usar a Planilha, abra o link acima conectado a sua Conta Google, escolha File / Make a Copy, e então edite conforme você precisa.

Nela, tem 2 campos para você colocar os dados do seu cliente (Nome e Cidade) e 3 mensagens pré-programadas para você colocar o que precisar – inclusive podendo usar as variaveis %NOME% e %CIDADE% que será substituida pelos dados adicionados, podendo customizar a mensagem.

Gostou? Comente abaixo! 🙂

Vamos bater um papo? Me chame clicando aqui!
Como Criar Descrições de Produtos e Serviços? Veja planilha
Planilha Fantástica para Auxiliar na criação de descrições de produtos e serviços.
 
Com ela você vai conseguir rapidamente criar descrições que vendem, e analisa-las para saber se vai funcionar ou não.
 
Primeira vez que é distribuído gratuitamente.
 
Tem dúvidas ao criar uma descrição?
Sempre falta algo e tem que ficar atualizando suas descrições?
Não converte como gostaria?
 
Imagina criar descrições mais rapidamente e que vendem
Ter mais tempo para outras atividades
 
Você continuará confiando na sua memória para criar descrições sem nenhum padrão, e deixará seus concorrentes saltarem a sua frente?
 
Você terá uma ferramente fácil de usar, que pode ser acessada de qualquer lugar para se sobressair aos seus concorrentes, ganhar mais dinheiro e ter maior liberdade financeira!
 
O que você vai receber?
1 x Planilha gratuita Google Sheets
 
Por que você deve comprar agora mesmo?
Gratuito por tempo limitado. Uso até agora restrito a clientes da consultoria que faço, para empreendedores de itens presenciais, online e serviços.
 
Por que você você deve adquirir da gente?
Dezenas de clientes da consultoria já usam ferramenta parecida, com muito sucesso.
 
O que nossos clientes estão falando?
“Me facilita e muito, hoje consigo criar dezenas de descrições rapidamente” – Lucas, MicroEmpreendedor
 
Clique no link, escolha File, Make a Copy e comece agora a mesmo a fazer melhores descrições.
Link Google Sheets 
 
Link Planilha Excel – Planilha em formato EXCEL
 
(Ahh, esta descrição foi gerada com o auxilio desta ferramente )